Sauber fecha porta para Nasr e confirma Wehrlein para a temporada 2017

A Sauber chegou a um acordo para a contratação de Pascal Wehrlein, que vai correr ao lado de Marcus Ericsson na próxima temporada, em negócio que tem reflexos tanto para Felipe Nasr, quanto para Felipe Massa: o time suíço era uma das duas apostas do piloto de 24 anos, que agora só tem chances de ser titular em 2017 correndo na Manor.

Já no caso do veterano, trata-se de mais um indicativo de que o caminho para o retorno se tornará realidade. Massa tem acordo selado para voltar à Williams caso Valtteri Bottas seja confirmado como o substituto de Nico Rosberg na Mercedes. E um dos principais rivais do finlandês pela vaga era justamente Wehrlein, que tem a carreira apoiada pela marca alemã.

A inexperiência, contudo, pesou contra Wehrlein, que tem apenas uma temporada completa como piloto titular na F-1, pela Manor. A Mercedes, portanto, resolveu pagar pela vaga na Sauber para dar mais quilometragem ao piloto. Enquanto isso, Bottas teria visitado a fábrica dos atuais tricampeões mundiais para acertar detalhes de seu assento.

A Sauber deve ter um ano difícil em 2017, tendo optado por não comprar motores Ferrari atualizados. Assim, vai disputar a temporada com as unidades desatualizadas, usadas na última temporada. Neste ano, o regulamento não apresenta nenhuma restrição ao desenvolvimento das unidades de potência. Nos últimos anos, as fabricantes tinham limitações tanto nos componentes que poderiam ser alterado, quanto em relação ao número de mudanças permitidas.

Com informações do UOL

Esporte Candango