Nos pênaltis, Sobradinho vence Santa Maria e vai às semifinais

Neste domingo (16), Sobradinho e Santa Maria protagonizaram um duelo emocionante na segunda partida entre ambos válida pelas quartas de final do Candangão, no estádio nacional Mané Garrincha. O Leão da Serra venceu por 1 x 0 no tempo normal, resultado que levou a partida para os pênaltis. Na decisão, o goleiro Victor Brasil pegou três cobranças a favor do Santa e quase foi o herói do jogo, mas não foi o suficiente para tirar a vaga do Sobradinho, que avançou na competição.

O jogo

A partida começou equilibrada, com muitas faltas para os dois lados. O primeiro chute a gol só veio aos nove minutos, após a zaga do Sobradinho afastar o cruzamento do volante Filipe. Jhéferson Falcão pegou o rebote e mandou à direita do gol defendido por Léo.

As coisas seguiam truncadas dentro de campo. O lance perigoso seguinte aconteceu apenas aos 21 minutos, desta vez a favor do Sobradinho. O centroavante Betinho roubou bola da zaga adversária e arriscou de fora da área. Victor Brasil só olhou a bola morrer na linha de fundo.

Aos 27 minutos de cronômetro percorridos, os times voltaram da parada técnica e o Sobradinho aproveitou para lançar seu ataque. O meia Wilker recebeu bola de Andrezinho pela direita e levantou na área. Betinho cabeceou para fora, mas dessa vez levou perigo ao Santa Maria.

Dois minutos depois, o zagueiro Hicaro bobeou e o centroavante Betinho roubou a bola, mas a zaga do Santa Maria conseguiu consertar o erro. Após o lance, o atacante Wesley bateu boca com Hicaro por conta da falha. Os dois ficaram se estranhando por alguns instantes.

Aos 41 minutos, o Sobradinho conseguiu, enfim, transformar as oportunidades em gol. O lateral Andrezinho levantou a bola na área e Betinho cabeceou, encobrindo o goleiro Victor Brasil. Sobradinho 1 x 0.

E o Sobradinho chegou muito perto de aumentar a vantagem. Já nos acréscimos, o meia Kelvin fez boa jogada pela direita e cruzou na área. Betinho se esticou, mas não chegou na bola para empurrar para as redes.

No segundo tempo, o Sobradinho seguia tentando ampliar o placar, enquanto o Santa Maria corria atrás do prejuízo para não mandar a partida para os pênaltis. Aos três minutos, o Leão teve uma chance de ouro para balançar as redes pela segunda vez. O meia Gago desceu em profundidade pela esquerda e levantou na área. A bola encontrou Kelvin sozinho, livre de marcação, mas o meia tentou pegar de primeira e acabou mandando a bola para fora.

Enquanto o Santa Maria errava passes e abusava das ligações diretas, o Sobradinho seguia levando perigo aos grenás. Aos 26 minutos, logo após a parada técnica, o meia Lucas arriscou chute de fora, exigindo grande defesa do goleiro Victor Brasil.

Aos 34 minutos, Lucas bateu escanteio curto e o meia Kelvin escorou para a área, mas a zaga afastou. No rebote, o próprio Kelvin chutou por cima do gol.

Nos minutos finais do segundo tempo, mais precisamente aos 46′, o meia China bateu falta na área e o zagueiro Léo Torres quase marcou de cabeça. Mas não dava tempo para mais nada e a partida acabou indo para os pênaltis.

Pênaltis

Dois grandes goleiros e cinco bons batedores de cada lado. Apesar da qualidade nos pés, o Santa Maria perdeu as duas primeiras cobranças, com Marlos e Fernandinho. Enquanto isso, o Sobradinho converteu a primeira com Betinho e parou nas mãos de Victor Brasil quando Andrezinho fez a segunda cobrança.

Victor Brasil, que já havia defendido a cobrança de Andrezinho, pegou mais dois pênaltis, dessa vez de Ranyelle e China. Zé Augusto empatou para o Santa Maria, mas Gleicinho desperdiçou a chance de colocar a Águia na frente. 1×1 no placar.

Na quinta cobrança das equipes, duas conversões. Thiago guardou nas redes para o Sobradinho e Fábio Silva fez para o Santa Maria.

Era a hora das cobranças alternadas e o lateral do Santa Maria, Jhéferson Falcão, era a bola da vez. Na cobrança, o jogador tentou bater à lá Loco Abreu, dando uma cavadinha na bola. A tentativa deu errado e a bola subiu demais. Com isso, o experiente Lucas, do Sobradinho, tinha a chance de liquidar a decisão. E fez: bola para um lado, goleiro para o outro, e o Leão da Serra está na semifinal do Candangão. 1×1 no tempo normal, 3×2 nos pênaltis.

Agora o Sobradinho tem a missão de derrubar o Brasiliense nas semifinais. O jogo está previsto para a próxima quarta-feira (19), com horário e local ainda não definidos.

FICHA TÉCNICA

Candangão 2017 – Quartas de Final
Estádio Mané Garrincha, Brasília-DF
Domingo, 16/4/2017 – 11h
Público Pagante: 317
Renda: R$ 1.820,00
Árbitro: Christiano Nascimento
A1:  Daniel Henrique
A2: Leila Cruz
4º árbitro: Maguielson Lima
5º árbitro: Vinicio Assis
Insp. Téc. Arbitr.: Geufran Oliveira

  SOBRADINHO 1 x 0 SANTA MARIA

Léo
Andrezinho
Léo Torresyellow-card
Alexyellow-card
China
Thiago
Kelvin
Gagoarrow-rightarrow-leftGabriel Almeida
Paulo Henriquearrow-rightarrow-leftRanyelle
Wilkerarrow-rightarrow-leftLucas
Betinhogoal41’/1T
Victor Brasil
Jhéferson Falcãoyellow-card
Everton
Hicaro
Gleicnhoyellow-card
Filipe
Zé Augusto
Lucas Bocãoarrow-rightarrow-leftFernandinho
Wesleyarrow-rightarrow-leftMarlos
Jeferson Cariocaarrow-rightarrow-leftDouglas
Fábio Silva
 Técnico: Augusto César
Técnico: Jairo Araújo
Gol:goal Cartão Amarelo:yellow-card Substituições:arrow-rightarrow-left

 

Por Willian Matos

É vedada a cópia deste material em partes ou no todo, mesmo com a citação da fonte. Textos, fotos, artes e vídeos do Esporte Candango estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral – LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Não reproduza o conteúdo do site em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Esporte Candango Comunicação, Produção e Marketing Ltda. As regras têm como objetivo proteger o investimento que o Esporte Candango faz na qualidade de seu material. Se tiver interesse em copiar trecho de texto do Esporte Candango ou imagens somente para uso privado ou compartilhar o link de qualquer material publicado, por favor entre em contato pelo e-mail: [email protected]. Os infratores estarão sujeitos às sanções legais previstas na legislação em vigor.

Esporte Candango