Dom Pedro x Taguatinga

0

Dom Pedro

derrota

5

Taguatinga

vitoria

30 de setembro de 2015 | 15:30
Serejão

Event Results

TimeGolsPontosRodadaResultado
Dom Pedro002Derrota
Taguatinga532Vitoria

Detalhes

Data Tempo Competition Temporada
30 de setembro de 2015 15:30 Candangão Segunda Divisão 2015

Campo

Serejão
Avenida Elmo Serejo, 2871 - Taguatinga, Brasília - DF, Brasil

Dom Pedro

Taguatinga

Taguatinga faz nova vítima por 5×0

O Taguatinga segue como sensação deste início de Segunda Divisão. Atuando pela 2ª rodada da competição local, o rubro-negro não tomou conhecimento do Dom Pedro e goleou impiedosamente o rival nesta quarta-feira (30), no estádio Serejão, por 5×0, a exemplo do que já havia feito com o Brazlândia na rodada inaugural, assumindo a ponta na tabela de classificação. Edicarlos anotou quatro, se tornando artilheiro isolado da competição com seis gols, e Cássius fez o outro, em cobrança de pênalti.

Após o empate na primeira rodada com o Guará, o Dom Pedro iniciou a partida criando uma certa resistência ao poder ofensivo do Taguatinga. O jogo iniciou brigado, travado no meio campo. Até que aos três minutos, o Taguatinga chegou com perigo em boa troca de passe, Lucas saiu na cara do gol, mas bateu por cima. A partir daí o rubro-negro cresceu na partida. Num rápido contra-ataque, Amaral cruzou para área e o baixinho Edicarlos marcou de cabeça, quando o cronômetro marcava cinco minutos de jogo.

Mal foi dado o pontapé de recomeço da partida e a equipe do Dom Pedro, mal posicionada, deu espaço para o cruzamento de Mario Henrique, desta vez pela esquerda. E novamente Edicarlos mandou para o fundo do gol, apenas dois minutos após abrir o placar. O time dos bombeiros sentiu o golpe e passou a não conseguir qualquer ação no meio campo, muito menos chutar a gol.

Para tentar mudar a postura do time, o técnico Paulo Roberto fez uma substituição, promovendo a entrada de Rafael na vaga de Brun. Mas, o jogo não mudou muita coisa e o Taguatinga seguia pressionando, com maior posse de bola, até que aos 32 minutos Edicarlos invadiu a área e no momento em que foi driblar o goleiro Marcelo para marcar o terceiro dele e do jogo, foi derrubado. Cassius cobrou e ampliou para os visitantes.

Já na reta final da primeira etapa, o Taguatinga armou um novo contra-ataque, Cassius mandou a bola para área e o arilheiro Edicarlos fez o quarto gol da partida.

No início do segundo tempo Taguatinga iniciou mais agressivo do que na etapa inicial. Em boa troca de passes, Edicarlos quase faz o quinto, mas parou no goleiro Marcelo. Aos seis minutos, o técnico Paulo Roberto resolveu utilizar suas duas últimas alterações, trocou Roger por Helton e Vandinho por Diones. Apesar das tentativas do treinador, o meio campo do Dom Pedro seguia apagado devido a forte marcação do Taguatinga, que adiantou o time e administrou o jogo pela enorme vantagem já construída.

A partir da metade da etapa complementar, o Dom Pedro melhorou e começou a explorar os contra-ataques, exigindo mais do goleiro Maicon, que pouco havia trabalhado até aquele momento. Mas, foi o Taguatinga que voltou a marcar. Edicarlos, aos 36 minutos, saiu na cara do gol após boa troca de passes do ataque e marcou o quinto gol da sua equipe, dando número finais ao placar do estádio Serejão.

Perguntado sobre o que tem de diferente no seu time que conseguiu dois resultados elásticos nas primeiras rodadas, o técnico Dirceu Matos foi taxativo. “Acho que este é um trabalho de grupo. Todos entendem que o Taguatinga merece subir e estamos em busca do acesso. Nosso time marcou dez gols e não sofreu nenhum, isso mostra o equilíbrio do grupo. Acredito que ainda vamos crescer mais dentro da competição”.

“Os dois primeiros gols nos afetaram muito. Começamos meio sonolentos, demos espaços, em poucos minutos já estávamos em grande desvantagem no placar e acabou acontecendo essa catástrofe. O adversário é um grande time acredito que eles conseguirão o acesso”, declarou o técnico Paulo Roberto, lamentando o péssimo resultado do seu time.

Edicarlos comemora o início avassalador do Taguatinga, mas mantém os pés no chão. “Fomos felizes em abrir vantagem tão cedo na partida, e eu em fazer quatro gols. Mas, temos consciência que a partir de agora todos os adversários vão partir para cima, querendo nos vencer. O nosso time é muito técnico e acredito que temos chances de conseguir o acesso, basta continuar trabalhando”, resumiu.

Na próxima rodada, o Taguatinga retornará ao estádio Serejão para receber o Guará, no sábado (3). Um dia depois, no mesmo estádio, será a vez do Dom Pedro tentar a recuperação diante do Botafogo-DF, que também perdeu nesta segunda rodada.

FICHA TÉCNICA

Candangão Segunda Divisão 2015
Estádio Serejão, Taguatinga-DF
Quarta-feira, 30/9/2015 – 15h30
Portões fechados
Árbitro: Sávio Sampaio
A1: José Reinaldo
A2: Renato Gomes
4º árbitro: Maguielson Lima

   DOM PEDRO 0 x 5 TAGUATINGA

Marceloyellow-card
Manoel Junior
Somália
Hugo
Velho Velho
Brunarrow-rightarrow-leftRafael
Everthon
Rogerarrow-rightarrow-leftHelton
Vladimir
Vandinhoyellow-cardarrow-rightarrow-leftDionesyellow-card
Felipe
Maicon
Amaral
Vitor Lucas
Badhugayellow-card
Mario Henriqueyellow-card
Klecio
Alcione arrow-rightarrow-leftAllan Dellon
Jhe
Lucasarrow-rightarrow-leftPaulinho
Cassiusgoal 32’/1T (pênalti)
Edicarlos goal 5′, 7′ e 44’/1T; 36’/2T
 Técnico: Paulo Roberto  Técnico: Dirceu Matos
Gol:goal Cartão Amarelo:yellow-card Substituições:arrow-rightarrow-left

Por Cristiano Lima

Esporte Candango